terça-feira, 19 de agosto de 2014

BENJAMIM FIGUEIREDO CANDIDATO À VEREADOR

Reportagem do jornal "A Manhã", agosto de 1950.

O MAIS CATEGORIZADO LIDER DOS ESPÍRITAS DO DISTRITO FEDERAL

MILHÕES DE ESPÍRITAS DO DISTRITO FEDERAL SUFRAGARÃO OS SEUS REPRESENTANTES


Jornal A Manhã, agosto de 1950


Na “Tenda Mirim” ouvindo o Sr. Benjamim Figueiredo, candidato a vereador pelo P.S.D. nas eleições de outubro

 

As próximas eleições estão empolgando todas as classes e correntes político-sociais, pois a representação democrática, se exercida com dedicação e proficiência, pode muito construir em benefício do povo em geral, e em particular assegurar direitos de determinadas correntes que se agitam dependendo de consubstanciação em lei, pois até hoje algumas se debatem na incerteza de uma existência cheia de percalços.Precisam, sim, de lei expressa correspondente aos anseios e interesses, e nunca à mercê de contingências.Ora, ninguém ignora que os espíritas atualmente constituem uma poderosíssima corrente em nosso pais.Também tem eles suas reinvindicações perante o Estado, de modo a que não continuem sob a dúvida da má ou boa interpretação perante a administração do pais.Os espíritas têm as mais concretas possibilidades de indicar, com êxito absoluto, seus representantes à Câmara Municipal, à Câmara Federal, ou à Senatoria, como qualquer outra corrente de opinião política ou teosófica, de vez que, todos são iguais diante da lei.É fora de duvida que o espírita deve ser o trabalhador infatigável, iluminado pela crença, em prol da coletividade brasileira, combatendo todas as violências quaisquer que eles sejam, quer do ponto de vista intelectual, quer do ponto de vista material ou moral.E por quê? A vida de renuncia do verdadeiro espírita irmanado ao mais acendrado[1] amor fraterno aos seus semelhantes e por consequência à humanidade em geral, é indubitavelmente o mais elevado índice de que a caridade espiritual como lema, remove as montanhas deletérias do egoísmo das classes dirigentes, para alcandorar-se[2] acima da vaidade humana e defender com igualdade os direitos do homem, espalhando a influência benfazeja e exemplar para todos, sem distinção de classe, ou mesmo de crença de outras correntes teosóficas.Assim os milhões de espíritas, devem ser representados pelos seus principais líderes, escolhidos rigorosamente pelo método de comparação das obras já realizadas, da dedicação impar que porventura já tenha dado mostras.


  Na “Tenda Mirim”


 Dentre os Centros Espíritas de maior renome onde se pratica a caridade de “graça como a recebemos”, destaca-se a “Tenda Mirim”, no populoso bairro de São Francisco Xavier.Não será demais afirmar-se que nenhum carioca desconhece a “Tenda Mirim”, que obedece a orientação do Sr. Benjamim Figueiredo.Aqueles que o acompanham na tarefa ingente[3] de lutar com amor pela renovação dos costumes através do espiritismo, de incentivar e estimular ainda o amor ao próximo, resolveram levantar a sua candidatura à Câmara Municipal.Justamente por essa razão fomos procurar o Sr. Benjamim Figueiredo, que é uma espécie de “Sumo sacerdote” de Umbanda – religião típica do Brasil – cuja linha branca já é professada e acatada em todo território nacional.Temperamento afável, simples, expressão modesta que são apanágios do verdadeiro espírita, ouvimo-lo rapidamente.Disse-nos que os espíritas brasileiros precisam de uma tribuna no parlamento, a fim de defenderem as aspirações da sua corrente teosófica, pleiteando igualdade de condições com outra qualquer corrente, uma vez que a Constituição estabelece muito democraticamente que todos são iguais perante a lei dos homens, e nós sustentamos que todos são iguais perante Deus, razão porque não fazemos distinção entre nossos irmãos.Após ligeiras considerações e informações sobre o funcionamento e frequência da “Tenda Mirim”, esclareceu:– A minha humilde candidatura a vereador pelo PSD é um imperativo da nossa corrente que pleiteia escolas gratuitas em todos os graus para os reconhecidamente desprotegidos da fortuna, hospitais em quantidade suficiente para atender ao povo, asilo para os velhos, assistência para os menores, amparo à maternidade e direitos para os nossos trabalhos espirituais.Se eleito, continuarei defendendo intransigentemente com o apoio dos nossos 12 milhões de espiritas, o reconhecimento da nossa teosofia, evitando duvidas. Mas, também, aqui estarei sempre ajudando a amenizar as dores e amarguras dos nossos irmãos.De fato, a “Tenda Mirim” é um centro espírita muito concorrido e obtivemos informações de que o Sr. Benjamim Figueiredo é um líder escolhido espontaneamente pelos que o seguem naquela obra espírita, em vista de suas qualidades indiscutíveis. 


 Devemos registrar que Benjamim Figueiredo não foi eleito.

  

[1] Depurado, afinado (nota do organizador).
[2] Empoleirar-se (nota do organizador).
[3] Muito grande, enorme (nota do organizador).

Nenhum comentário: