domingo, 18 de abril de 2010

UMBANDA NA MIDIA - PARTE 2







Continuando nossa digressão sobre a Umbanda na mídia apresento duas imagens e alguns tópicos da reportagem Quem entra na Linha de Umbanda, publicada no número 327 da Revista Fatos & Fotos, de 27 de abril de 1967.
O texto de Ronald de Carvalho apontava para o crescimento da Umbanda no Brasil, onde escrevia que a cada quase três minutos, um novo umbandista se inicia no Brasil. Quer dizer: por hora, 18 brasileiros tiram os sapatos e entram para os rituais de terreiro. Esses números, indicativos da média do crescimento da Umbanda, baseiam-se no fato de que, em 30 anos, cerca de 5 milhões de umbandistas foram registrados em todo o país. Que força religiosa é essa que tão rapidamente se propaga? Que motivos levam um homem a abandonar sua religião de origem para iniciar-se na Umbanda? Entrevistando mais de 50 filhos de santo, ouvindo explicações de nove orixás e anotando os conhecimentos do Dr. Armando Cavalcanti Bandeira, o homem que foi convidado para codificar a Umbanda no Brasil, Fatos & Fotos penetrou na intimidade dessa religião. Conta agora a história dos que abandonam suas tradições para cultuar os orixás (santos), história comum aos 155 mil brasileiros que saem anualmente dos templos para os terreiros de Umbanda.
A reportagem abordou ainda as confusões entre a Umbanda e o Candomblé, a simbologia da Umbanda, casos reais nos terreiros, a iniciação e um pequeno vocabulário de Umbanda. A reportagem segue a tendência das revistas brasileiras dos anos 1960 que retratavam o crescimento da Umbanda em nosso país como fizeram anteriormente os periódicos Manchete e Realidade.






Diamantino Fernandes Trindade

Nenhum comentário: